Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

irmão lúcia



Sexta-feira, 04.01.13

emparelhar

quis a divina providência que eu batesse com os olhos nas declarações do cavaco sobre o quão apolítico ele se considera, ele a dar-lhe e a burra a fugir, lá diz o ditado, mas dizia, bati com os olhos nessa esquiva ventilada pelo expresso no mesmo dia em que li uma série de linhas escritas pelo fernando rosas acerca de um homem que durou muito e muito tempo no poder, um homem que também nunca foi político, nunca quis sê-lo, aliás, praticamente empurraram-no para as rédeas da liderança com a bênção de jesus, das forças armadas, das corporações e de tudo o resto, a bem da nação e da família espírito santo, e diabos me levem se não senti um arrepio que também fez as vezes de alarme de emparelhamento, isto anda tudo ligado? será como aquele filme do ataque dos clones? podia ser sobre 2012 mas é sobre a primeira metade do século XX, podia ser sobre o senhor aníbal mas é sobre o antónio oliveira. ou será ao contrário?

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Pedro Vieira às 17:10


4 comentários

De não pazinho a 05.01.2013 às 01:46

resulta da visão do mundo que é veiculada ao deus menino

se inducam o menino jasus na carpintaria ele pisga-se para andar com os rapazes nas jantaradas e a lavar a barba só de mês a mês

se inducam o boneco a pôr-se de joelhos ou de cócoras perante ou de costas os homens in black claro que a alma tende para o sacrifício

o aguenta aguenta é próprio da alma do seminarista...

é como o caso de Passos

passos não passa de moda enquanto for o timoneiro do desastre

quando for outro timoneiro a naufragar-nos

as atenções voltar-se-ão para esse novis sal y azar

PASSOS NO CARNAVAL DE OVAR É SÓ PAGAR PARA ENTRAR ...

4 feb. 2012

13









O ESTADO DA NAÇÃO MAÇÃO XX OU XXI EM FRASES SOLTAS...

3 jan. 2013

13









DUAS IRREALIDADES E UM PAÍS OU UMA COUSA QUE PASS...

2 jan. 2013

12









ENQUANTO OS GANGUES DOS NOSSOS DONOS LUTAM-A MARA...

29 jun. 2011

5









REVOLUÇÕES DE TREZENTOS E SESSENTA GRAUS-HÁ VIDAS ...

4 feb. 2011, 3 opmerkingen

por exemplo a revolução ou salazar dizem muito pouco a quem tem menos do que a vossa idade...

e a quem tem mais há os prosélitos

há os conversos

e há os 40% de apáticos que se adaptam a todo o regime

De na realidade salazar é um fenómeno rural a 05.01.2013 às 01:50

num putogal rural estima-se a constância do tempo da renda fixa

da estabilidade

a burguesia pelo contrário não aprecia a estabilidade longa pois é estagnação

e a burguesia quer ascensão progresso material

só o gebo e a sombra se resignam...

principalmente a sombra...

De quanto ao desapegado do phoder e das a 05.01.2013 às 01:54

va idades....

era uma fórmula comum nos políticos da 1ª república

até porque não ficavam muito tempo

e esse livrinho que digitalizaste pá é uma hagiologia muito particular

De é verdade que cavaco é um rural algarbio a 07.01.2013 às 01:47

que se hospedou em faro para ter um curso de lyceu

e ascendeu na meritocracia ou não tão meritória salazarenta

a uma bolsa estudantil nos nossos aliados de sempre
(tirando umas vezes)
assim como o vitorino d'almeida conseguiu um tacho de adido cultural en vienna da austria (já agora a outra vienna fica em Paris Texas?) pela mesma década

tirando isso o 13ºmês e as reformazinhas são mais marcelistas

logo o cavaco e as reformas da função pública que patrocinou assim como as grandes obras de regime

é mais marcelista do que salazarista...porque as pontes salazaristas e as estradas de paralelepípedos salazaristas só serviam para as classes altas e para os carros de bois

os outros fizeram para carros de boys

e os boys são boçês filhos e netos do marcellistão y cavaquistão

Comentar post



pagamento de promessas para

irmaolucia[arroba]gmail.com

teologia de pacotilha (descontinuado)

professor josé cid

o meu outro salão do reino (descontinuado)

Arrastão



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D